“CIRCO GODOT” – Cia Circo Godot

 

Ficha técnica:

 

Ano de produção: 2010

Diretor: Quiercles Santana

Elenco: Asaias Lira, Damiano Massaccesi

Argumento: Andrezza Alves, Asaias Lira, Damiano Massaccesi, Quiercles Santana;

Concepção Geral: Quiercles Santana;

Direção de Arte: Asaias Lira, Damiano Massaccesi;

Trilha Sonora: Damiano Massaccesi;

Iluminação: Andrezza Alves;

Confecção de Cenários: Asaias Lira, Damiano Massaccesi;

Operação de Luz: Quiercles Santana;

Operação de Som: Andrezza Alves

Confecção de Cenários: Enzo Massaccesi e Damiano Massaccesi

Confecção de Figurinos: Asaias Lira e Damiano Massaccesi

Produção: Andrezza Alves, Asaias Lira, Damiano Massaccesi e Marisa Santanafessa, Quiercles Santana.

Sinopse:

 

Com direção de Quiercles Santana e tendo no elenco Asaías Lira e Damiano Massaccesi, “Circo Godot” é um espetáculo de circo-teatro livremente inspirado nas hipotéticas relações estabelecidas entre Pozzo e Luck quando não estão com Vladimir e Estragon. O trabalho procura redimensionar a vida dessas duas personagens do Clássico do Teatro Contemporâneo para além das páginas escritas por Samuel Beckett, em seu “Esperando Godot”.

A peça que se passa em um não lugar aqui presente, em um mapa do mundo, muitas vezes pisado e repisado, conta a história de dois andarilhos, cobertos de pó, estrada e vida, numa busca incessante pelo lugar ideal para o pouso. Inflamados sob o julgo de um chicote, que estronde e exacerba suas personalidades dominadoras, os dois companheiros jogam em batalhas constantes contra o próprio ser e procuram  por ações mágicas que despertem a vida e algum sentido para estar no mundo a cada nova partida.

Numa espera que ultrapassa a própria existência, as duas personagens refletem as milhões de outras no mundo, as quais residem num terreno onde o único sopro de vida possível é o ato de Jogar.

O espetáculo teve estreia internacional no dia 21 de Junho de 2010, dentro da programação de verão da ilha de Creta na cidade de Kokkini Hani.

 

Fotos:

Confira imagens do espetáculo, assim como a arte gráfica e o programa do espetáculo. Fotos de Roberto D”Angelo

 

 

Print Friendly